Fundo

quarta-feira, 2 de julho de 2008

Pai



No final do dia de ontem (já são 00:42) eu fiquei melancólica. Triste mesmo. Fez 10 anos que meu pai faleceu.
Não sou de lembrar da morte de ninguém, mas desta vez lembrei. Saudade, saudade e saudade. Ele realmente faz falta.
O tempo ameniza a dor, mas a saudade e o vazio ficam para sempre.
Se ele pudesse ouvir eu repetiria: Pai, eu te amo! Ainda bem falei isso para ele várias vezes. Temos mesmo que dizer que amamos as pessoas, pois o tempo passa rápido e às vezes não temos mais oportunidade.
Agradeço a Deus pelo pai maravilhoso que tive, por ter sido tão amada por ele e por ter tantas lembranças boas para me apoiar nestas horas de saudade.
Tenho certeza que ele está com Deus e que irei encontrá-lo novamente, mas por enquanto ficam as lembranças.
Como meu pai diria, sentir saudade "faz parte".
E a vida segue!
Boa noite. Ou seria bom dia?

Um comentário:

Carolina disse...

Você é uma fofa. Eu tenho saudades de vc também, priminha.
Bitocas.